quarta-feira, 10 de setembro de 2008

Voodoo em massa! Estopa geral!


(peço desculpas pela demora do post...mas estava resolvendo minha vida estudantil, amorosa,
trabalhista,etc...)

em que você acredita?
acredita em conspirações?
acredita em real liberdade de expressão?
paranóia?
esquizofrenia?
sinais?
e por ai vai...
até chegar em: acredita na orquestração mundo em que vive?

bom...agora falando sério...se fosse parar para considerar os pequenos acontecimentos...
como os "loucos" fazem... mas não preciso...o que quero dizer...não...o que gostaria de entender...
é como esses acontecimentos controlados... "reconfigurados"...são facilmente esquecidos...ou
mascarados...para exemplificar:
"você acha mesmo que a 'diretas ja!' foi vontade do povo? ou foi armação daquela fundação
(e rede de televisão) famosa, porque o governo parou de apoiá-la?"
isso pode parecer bobeira...uma armação "tosca"...mas mudou a história política do país...
uma empresa fuleira é capaz de transformar assim...uma instituição governamental pode muito mais...
eu tento saber até que ponto somos realmente livres para pensar...
quando poderemos saber? quando seremos realmente livres...
eu geralmente não toco nesse assunto...pois considero particular...
mas a religião tem feito bem sua função de controle de massa...
mas até quando as pessoas acreditarão? até quando se limitarão com o pecado?
temos muito a crescer...mas logo logo...será impossivél esconder...o que for que nos aguarde...
a mente...o povo...seremos todos incontroláveis...

5 comentários:

Luciene de Morais disse...

Bem eu suponho que não faltaram mentes...
Acho que a maioria, consiente dissou ou não, opta por ser controlado...
Sem precisar decidir, a vida fica "menos" angustiante...
Beijo

Luciene de Morais disse...

consciente

Karine Leão disse...

Gustavo,

Há algum tempo atrás eu achava que tudo fazia parte de um controle ( e ainda é assim) mas concordo com a Luciene... a grande maioria acredita no que quer e faz a opção por ser controlada.

Abraços e aguardo sua visita!

Karine

Gustavo Martinho disse...

Luciene...
sera que é mesmo uma "consciencia real"? hoje esta na moda ser "inteligente", "diferente", "alternativo"...entre outros "sabios titulos"...
nao sei se essa nova "leva" de pensadores é consciente...
(eu tambem me questiono ser assim...
se é que sou)

mas "ficar menos angustiante"...
eu falei sobre algo parecido num outro post...
isso seria viver na ignorancia...
ai seria decidir entre a "felicidade futil e vazia da ignorancia"...ou "a sensaçao de solidao e vazio proporcionada pelo conhecimento"...
ai...voce escolhe como quer viver...
mas tem que saber...que se escolher o caminho do "conhecimento"...é a coisa mais dificil voce conseguir voltar a ignorancia...

Karine Leao...
mas poxa...ninguem perguntou minha opiniao...eu nao pedi para ser controlado...isso nao é opcional...
ah...visitarei sim...

C. Martinez disse...

o que eu posso dizer? INSPIRADOR!